quinta-feira, 23 de julho de 2009

advocacia gratuita?

celular toca, número desconhecido.
atendo.

voz: alô doutora? é o w., a f. lhe falou do meu caso?
eu: do seu caso? não, falou não, mas diga!!!
voz: não falou? ...porra... como não? a v. disse que eu podia ligar pra senhora, que a senhora sabia!
eu: ninguém me contou nada, mas conte você mesmo...
voz: AHHH, DEIXA PRA LÁ, TÔ VENDO QUE A SENHORA TÁ COM MÁ VONTADE...

...

a criatura simplesmente desligou o telefone na minha cara...

esse w. já me veio com um outro caso, e eu já disse pra ele como proceder e tudo mais.
depois ele veio com o papo de que a irmã precisava fazer o divórcio e eu disse que era pra ela mesma me telefonar, mas ela nunca ligou, apesar d'eu ter dado o meu cartão com números e e-mail.

e agora ele vem com essa???
já fiquei sabendo que ele ligou pra v. e disse um monte de desaforos... disse, inclusive, que quando ele trabalhava com o g.n. na hora ele tinha advogado, mas agora que ele tá trabalhando com a m.m. nunca consegue um advogado.

alôô, conheces a DEFENSORIA PÚBLICA?

pois é, nem lá tem advogado com essa facilidade toda!

3 comentários:

Carla disse...

há muito muito muito tempo não entro no seu blog, alias, no de ninguem, nem no meu, e achei liiiindo demais esse seu novo ( q já deve ser velho)template.
lindo de viver !
parabéns
beijos

FaNa disse...

sim, dona Carla, já está velho... vc sumiu mesmo, nem no seu tem aparecido, néam!?

MoizaCARTUNS disse...

Todo mundo desce o sarrafo em cima dos advogados, mas... convenhamos, não é fácil essa vida, não! Sou advogado há três anos, e o que tenho de aguentar no dia-dia, com clientes chatos como esse aí, da "voz", não é brincadeira...

Força aí, na profissão, hehehe

Abraços o/